00:00:00
15 Sep

Deputado entra em roda punk durante homenagem à banda Devotos na Alepe

Uma ronda punk se formou na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), no Recife, durante a homenagem aos 30 anos da Devotos, grupo de punk, rock e hardcore do Alto José do Pinho. Entre os roqueiros, estava o deputado estadual Isaltino Nascimento (PSB), que propôs a homenagem. O vídeo com o deputado na roda punk viralizou nas redes sociais. 

A banda é formada por Cannibal (baixo e voz), Neilton (guitarra) e Celo (bateria) e foi fundada em 1988. “Cultura é o modo de vida de um povo. O Recife tem vários tipos de cultura e isso tem que estar em todo canto. O punk-rock tem que estar na Assembleia, o samba tem que estar lá também”, resumiu Cannibal.

O vocalista relatou que nunca imaginou tocar na Alepe, muito menos ver um deputado estadual dentro da roda-punk, de paletó e gravata.

“Toda vez que eu penso nisso, fico rindo. Nunca pensei que ia ver um deputado no meio da roda-punk. Uma das coisas que fiquei mais gratificado foi ocupar o espaço público com cultura”, afirmou o vocalista.

A cerimônia aconteceu na quarta-feira (28) e contou com a entrega de uma placa comemorativa e esculturas, seguida da apresentação. Sobre entrar na roda-punk, Isaltino Nascimento disse que aproveitou para recordar a juventude.

“Eu estava lembrando dos meus tempos de garoto. Eu estava de paletó, por causa da cerimônia, mas tava ali lembrando de quando ia para os shows deles”, declarou o deputado.

 
Integrantes da banda Devotos recebem homenagem na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) — Foto: Jarbas Araújo/Alepe

Integrantes da banda Devotos recebem homenagem na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) — Foto: Jarbas Araújo/Alepe

Isaltino Nascimento contou que conhece o trio há muitos anos e admira o trabalho social desenvolvido por eles. “Eu nasci e me criei no Alto José do Pinho, sou amigo de infância deles. A banda mudou um paradigma. Eles mudaram a relação das pessoas com Alto José do Pinho, elas perderam a vergonha de dizer que moram lá”, disse.

A Devotos já fez shows fora do Brasil, mas os integrantes escolheram não deixar de morar na comunidade em que nasceram. “Eu tenho uma coisa para mim que, quando você consegue ter seu sonho realizado e estar bem sucedido, invés de você sair da comunidade, você tem que estar dentro dela. Se as crianças veem coisas boas, elas fazem coisas boas”, afirmou Cannibal.

As letras do grupo trazem denúncias sobre a realidade dos que vivem à margem de uma sociedade excludente. “Não é muito comum celebrar na Casa Joaquim Nabuco uma banda que vem da periferia. Os temas que eles abordam são muito atuais, as dificuldades sociais, a violência. É por isso a nossa proposição”, explicou o deputado.

You may be interested

Mesmo com resultado negativo do IBC-Br, tendência é de recuperação gradual da economia
Economia
8 visualizações
Economia
8 visualizações

Mesmo com resultado negativo do IBC-Br, tendência é de recuperação gradual da economia

Rosana Flores - 13/09/2019

O resultado negativo do índice de atividade do Banco Central, o IBC-Br, divulgado nesta sexta-feira (13), interrompe a sequência de alta que vinha desde maio. Mas será mesmo…

Pernambuco registra 6.645 roubos em agosto de 2019
Crimes
8 visualizações
Crimes
8 visualizações

Pernambuco registra 6.645 roubos em agosto de 2019

Rosana Flores - 13/09/2019

Pernambuco contabilizou 6.645 roubos, em agosto de 2019, de acordo com a Secretaria de Defesa Social (SDS). O número, divulgado nesta sexta-feira (13), é 13,28% menor do…

Adolescente de 15 anos passa nove meses esperando gêmeos e após parto recebe apenas um bebê
Pernambuco Agora
8 visualizações
Pernambuco Agora
8 visualizações

Adolescente de 15 anos passa nove meses esperando gêmeos e após parto recebe apenas um bebê

Rosana Flores - 13/09/2019

"Imagina o meu neto crescer pensando que o irmão dele foi levado? Se for erro das clínicas, vamos aceitar, mas se tinha outro bebê, vivo ou morto,…

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Most from this category